Gabriel Byrne

Hereditary – Hereditário

Um filme, para ser sinistro, precisa apresentar alguns predicados. Primeiro, começar daquela forma bacana, quase pueril, e depois dar uma bela guinada na história. Depois, ter algumas atitudes bem estranhas dos seus protagonistas ou personagens secundários. Finalmente, deve ter alguns elementos sobrenaturais ou do tipo “incontroláveis”, do gênero que impede que qualquer atitude racional possa […]

Le Capital – Capital – O Capital

Filmes panfletários sempre são interessantes. Primeiro, porque eles tem uma ideia muito clara do que querem defender. E isso, por si só, e porque nem todo filme tem esta característica como qualidade, faz esta produções valerem uma conferida. Há algumas defesas que caem em argumentos simplórios, o que faz o filme ficar interessante porque ele […]

Rolar para o topo
%d blogueiros gostam disto: